Como escolher o gabinete certo para seu computador

Montar um PC do zero é uma ciência que requer muita atenção nos detalhes. Alguns itens, como processador e placa de vídeo, são mais importantes que outros, como fonte de energia e gabinete. Mas para um bom resultado, custos sob controle e vida útil prolongada, todos eles acabam desempenhando um papel importante.

É o caso do gabinete. É nele que você vai montar o computador, onde coolers e sistemas de refrigeração ativa e passiva serão construídos.

thermalGabinete em detalhes. (Foto: Divulgação)

Por que o gabinete é importante?

Computador dissipa calor porque recebe energia elétrica e uma parte dela é convertida em calor (o restante vira som e luz). O calor pode comprometer um computador, tornando-o mais lento. Com o passar do tempo, contudo, pode ainda danificar fisicamente os componentes.

corsairGabinete aberto. (Foto: Divulgação)

É por este motivo que uma das principais atenções na hora de comprar um gabinete está vinculada à capacidade dele refrigerar bem os componentes.

Se você monta um computador com intenção de jogar e fazer overclocks sérios no hardware, um gabinete com boa refrigeração é um luxo de que não se pode, em hipótese alguma, abrir mão.

Além da questão da refrigeração, é importante escolher gabinentes com bom acabamento e, preferencialmente, de projetos mais recentes. Bons modelos oferecem apoios para cabos – que do contrário poderiam ficar soltos, suspensos no caminho do ar sugado e expelido pelos ventiladores. Além disso, contam com saídas de portas como HDMI e UBS acessíveis, bem como facilidade para acoplagem de novos drives, HDs e baias pensadas para quem usa muitos periféricos.

Dicas como essas, vinculadas ao acabamento e à boa construção do modelo, são válidas tanto para os entusiastas quanto para quem se aventura e monta o primeiro PC, mais econômico e simples.

Fique de olho nos tamanhos

Para o montador de PC de primeira viagem, é importante saber que há diferenças de tamanho entre placas. Vale ficar atento ao detalhe para não ter surpresas desagradáveis. O que determina o tamanho do gabinete, portanto, é o padrão da placa de vídeo. O padrão de tamanho mais comum é o ATX.

Modelos, preços e muita variedade

coolerGabinete da Cooler Master. (Foto: Divulgação)

Gabinetes não dependem do estado da arte da tecnologia para serem construídos como um bom processador, por exemplo. É por isso que existem centenas de fabricantes e modelos. Há marcas muito boas, como Cooler Master, Corsair e Thermaltake (entre outras) com linhas que contemplam os mais simples e os mais complexos. Assim como marcas mais simples, e isso reflete diretamente nos preços.

Diversos detalhes servem para nortear sua escolha por um gabinete. Por exemplo, beleza, custo-benefício. Lembre que o gabinete é a “cara” do computador, então procure algo que você considere bonito. E pode ter certeza que a breguice em termos de gabinete não tem limites: há faces de alienígenas, dinossauros, leds e neons em profusão, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*