Depois do Megaupload, outros serviços de compartilhamento podem ser fechados

Vários sites concorrentes do Megaupload estão passando por modificações para se adequar às leis antipirataria.

Você já deve estar cansado de ler sobre SOPA e Megaupload, mas o assunto ainda vai render bastante. Depois da prisão do dono do Megaupload, vários outros sites de compartilhamento estão começando a reavaliar a permanência na internet. Entre eles estão alguns dos mais famosos, como o FileServe e FileSonic, que deixaram de oferecer contas Premium.

Outros sites deixaram de atender aos usuários norte-americanos para fugir da fiscalização dos Estados Unidos. Entre eles, estão o FileJungle (que está bloqueando o IP de computadores do país) e o Uploaded (que baniu todos os usuários de lá). Isso mostra certo receio em relação aos fiscais antipirataria, que podem aplicar multas bem altas.

O MediaFire publicou uma nota relatando que seu serviço é diferente do oferecido pelo Megaupload, pois é um site dedicado ao armazenamento nas nuvens, não para compartilhamento de conteúdo ilegal. É lógico que existem muitas semelhanças, mas o que o MediaFire tenta dizer é que o material disponível lá é todo legalizado – e o que não é deve ser excluído.

  • Megaupload: fechado;
  • FileServe: está deletando arquivos e fechou programa de afiliados;
  • FileJungle: está deletando arquivos e testando bloqueio de IPs americanos;
  • UploadStation: está deletando arquivos e testando bloqueio de IPs americanos;
  • FileSonic: deixou de oferecer contas Premium;
  • VideoBB: deixou de oferecer contas Premium;
  • Uploaded: baniu todos os IPs norte-americanos;
  • FilePost: suspendeu contas com conteúdo ilegal;
  • HotFile: suspendeu contas com conteúdo ilegal;
  • VideoZer: deixou de oferecer contas Premium;
  • RapidShare: deletando arquivos ilegais;
  • 4Shared: deletando arquivos ilegais.

Fonte: Techmundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*